BIM: o que é e qual a importância para a construção civil?

BIM: o que é e qual a importância para a construção civil?

Nos últimos anos, os avanços tecnológicos vêm ganhando espaço em diversos setores da sociedade, e na construção civil não foi diferente. Impressões 3D, robótica, realidades aumentada e virtual e o BIM são apenas alguns dos recursos que surgiram para deixar os projetos e o gerenciamento de obras ainda mais eficientes.

Mas, na prática, como toda essa tecnologia pode ajudar? É sobre isso que falaremos neste artigo! Para sermos mais específicos, trataremos especificamente do Building Information Modeling, ou somente BIM.

Saiba o que é, quais são as vantagens de usá-lo e por que o modelo é tão importante para a construção civil.

O que é BIM?

BIM é a sigla de Building Information Modeling que, em português, significa Modelagem de Informações da Construção. Ele é, basicamente, um sistema que utiliza modelos 3D com dados detalhados sobre todos os elementos envolvidos em um projeto de construção civil. E isso inclui desde o piso até os sistemas hidráulicos de uma obra, por exemplo.

Com o BIM, a criação e o gerenciamento de informações ficam organizadas e integradas digitalmente, não só na construção, mas também em outras áreas, como na engenharia e na arquitetura.

Na prática, a tecnologia permite que modelos extremamente precisos de um projeto sejam criados virtualmente. Em resumo, é como ter uma construção digital e tridimensional na sua frente, antes mesmo de ela começar a ser executada na vida real.

Talvez, algumas pessoas pensem que é apenas mais um avanço da tecnologia, mas é bem mais do que isso. Imagine a possibilidade de ter a representação de um projeto com todas as informações necessárias – para o planejamento, execução, gerenciamento, implementação e até manutenção – integradas? É exatamente isso o que o BIM propõe.

Diferença entre CAD e BIM

Os softwares CAD (Computer Aided Design ou, em português, Desenho Assistido por Computador) surgiram para substituir os antigos desenhos manuais que eram feitos para projetar construções. Esses sistemas se tornaram as peças-chave para aumentar a produtividade, garantir mais precisão, editar os projetos facilmente, ter uma visão realista e gerar mais eficiência.

Contudo, apesar de ser indispensável em algumas situações, o modelo serve apenas como uma representação gráfica. O BIM vai além e oferece uma abordagem mais completa do que um “simples” retrato, pois permite que o profissional insira informações precisas de cada elemento.

Em outras palavras, enquanto o CAD possibilita que determinado projeto seja representado graficamente no computador, de forma bem mais precisa que a manual, o BIM garante a inclusão de informações importantes, como os materiais utilizados, as dimensões e outras características específicas de cada elemento.

Quais são as vantagens do BIM para a construção civil?

Você sabia que o Decreto Nº 10.306, de abril de 2020, assinado pelo então presidente Jair Bolsonaro, estabeleceu a utilização do BIM na execução de obras e serviços de engenharia realizada pelos órgãos e entidades da administração pública federal?

No documento, a implementação foi dividida em 3 fases:

  • Fase 1: a partir de 1º de janeiro de 2021, o modelo seria utilizado no desenvolvimento de projetos de arquitetura e engenharia em construções novas, ampliações ou reabilitações.
  • Fase 2: a partir de 1º de janeiro de 2024, o BIM deverá ser utilizado na execução – direta ou indireta – de projetos de arquitetura e engenharia e na gestão de obras.
  • Fase 3: a partir de 1º de janeiro de 2028, ele deverá ser utilizado no desenvolvimento de projetos de arquitetura e engenharia e na gestão de obras.

E essa decisão não foi à toa! Na verdade, ela reforça que o BIM é um sistema vantajoso e importante, que garante melhorias reais nos projetos de construção. Dentre os benefícios, podemos citar:

Facilidade de colaboração

Por ser uma plataforma integrada, o BIM facilita a colaboração e a comunicação entre todas as equipes envolvidas no projeto, tudo de forma digital e centralizada. É importante para melhorar o acompanhamento de todas as etapas e causar impactos positivos na qualidade da construção.

Melhor visualização

A representação tridimensional e realista que o BIM oferece, facilita a visualização das partes e do projeto como um todo. Além disso, permite que as pessoas – principalmente as que não trabalham na área da construção – compreendam o projeto com mais facilidade e tenham uma visão mais ampla na hora da apresentação.

Minimização de erros

Justamente por ter uma visualização mais detalhada, os profissionais conseguem gerenciar as informações com facilidade e identificar possíveis erros bem antes da execução. Já na fase inicial, é possível corrigir falhas, melhorar ideias e testar mudanças sem causar nenhum dano à construção.

Controle e gerenciamento eficazes

Normalmente, um projeto envolve várias fases e, sem uma ferramenta eficaz, fica difícil gerir cada uma delas. Nesse caso, o BIM é importante porque permite o controle e o gerenciamento de forma ágil e efetiva, garantindo que as decisões sejam tomadas rapidamente e com assertividade.

Mais eficiência

Com todos esses recursos, não poderia ser diferente: os projetos, as obras, as construções e os profissionais acabam sendo bem mais eficientes. Todos os envolvidos podem trabalhar de forma cooperativa e integrada, gastando menos recursos e garantindo mais agilidade na execução.

Onde o BIM pode ser utilizado?

Como você deve imaginar, o BIM pode ser utilizado nas mais diversas áreas, desde que estejam relacionadas à execução de algum projeto. Isso envolve engenharia, arquitetura, indústria, design, infraestrutura e, principalmente, a construção civil.

Projetos complexos exigem programas à altura e, por isso, os profissionais precisam estar atentos às mudanças do mercado para oferecer o que têm de melhor aos clientes e às empresas parceiras.

E você, está por dentro de todas as novidades que envolvem construção e manutenção para os mais diversos setores? No Blog da Orguel, você encontra dezenas de conteúdos atualizados sobre o mercado. Não deixe de conferir!

Posts relacionados

Como Escolher a Plataforma Elevatória Certa para seu Projeto de Construção
5 vantagens da plataforma elevatória na indústria
Capacidade de carga de andaimes: aprenda a calcular
7 indicadores de qualidade na construção civil

FAÇA JÁ O SEU ORÇAMENTO!

Seu contato é muito importante para nós.
Nossa equipe está pronta para te atender!

Logotipo da Orguel - Página Inicial

Conheça nossa nova marca