Anglo Gold Anshanti


Entenda o projeto

Considerada uma das maiores produtoras de ouro do mundo, a AngloGold Ashanti possui matriz em Johanesburgo, na África do Sul, e cerca de 23 operações em 11 países. Sua atuação no Brasil ocorre no Quadrilátero Ferrífero1 e em Goiás: Córrego do Sítio (Santa Bárbara/MG), Queiroz (Nova Lima/MG) Cuiabá-Lamego (Sabará/MG) e Serra Grande (Crixás/GO). O Brasil representa cerca de 9% da produção mundial da empresa, que é obtida através de minas subterrâneas e de operações a céu aberto.

Chaminés são estruturas especiais que requerem projetos e tratamentos diferenciados no que diz respeito às descargas atmosféricas, conforme a NBR 5419:2001. Geralmente, as chaminés em minas subterrâneas permitem a conexão entre diferentes níveis e são utilizadas como passagem de minério e de material estéril, para transporte de pessoal, como condutor de ventilação e para iniciar o desmonte de painéis de alguns tipos de lavra. Seu formato pode ser quadrado, retangular ou circular.

Desafio Orguel

A Companhia foi demandada a elaborar uma solução que garantisse o acesso e a segurança dos trabalhadores envolvidos na manutenção de um SPDA (Sistema Preventivo de Descargas Atmosféricas) de uma das chaminés do cliente. A necessidade do cliente consistia em encontrar no mercado um dispositivo de trabalho que atrelasse segurança, efetividade e alta produtividade para permitir a realização de reparos no sistema de para-raios na chaminé da planta de Queiroz, que está localizada em Nova Lima/MG. A Orguel desenvolveu um projeto conciso e bem estruturado para atender aos requisitos demandados pelo cliente, vencendo a altura elevada da chaminé e as interferências do local.

1. O Quadrilátero Ferrífero é uma região do estado de Minas Gerais descoberta no século XVII, onde estão localizadas importantes cidades com extração de minerais, como Sabará, Rio Piracicaba, Congonhas, Casa Branca, Itaúna, Itabira, Nova Lima, Santa Bárbara, Mariana, Ouro Preto, entre outras.

Responsáveis

O desenvolvimento e a implantação desse projeto foram executados por muitas mãos e para representar a equipe que se desdobrou no atendimento ao cliente, dois colaboradores relatam sua experiência:

Alexandre Magela

“Esse foi um dos projetos mais complexos que pude participar ao longo da minha vida. Hoje entendo que ao aceitar o desafio proposto pela Companhia de atuar nessa obra, cresci como pessoa e como profissional. Afinal de contas, não é em qualquer lugar que vou ter uma experiência como essa. Vencendo a altura, também pude estreitar os laços de amizade com os meus companheiros de trabalho. Estávamos juntos com um mesmo objetivo, que era entregar o melhor para o cliente. Conseguimos!”

Alexandre Magela

Marcílio Ramos

“Essa obra foi muito significativa, pois envolveu além de um projeto bem elaborado, pessoas altamente capacitadas no atendimento ao cliente. Valeu pelo trabalho coletivo, pela dinâmica desenvolvida na montagem e desmontagem das soluções (Mecanflex e do Sistema QuikDeck), pela altura vencida na chaminé e principalmente pela grande experiência vivenciada.”

Marcílio Ramos